Get Adobe Flash player

Hyper Postos: 25 anos de História

25 anos<< Edição nro. 342 da Revista Posto de Observação >>

Primeira Empresa a implantar a automação completa em um Auto Posto, a Hyper Postos evoluiu com o setor e hoje oferece equipamentos e soluções para diversos segmentos.


Quem se lembra de microcomputadores como o Apple II Plus, Dismac D-2000, Next e a linha TK, de uso doméstico, e dos modelos CP-500 e Sistema 700, da Prológica, de aplicação empresarial?

Nessa época, entre 1983 e 1986, nos primórdios da micro-informática no Brasil, os sócios da WF-Soft Luiz Wanderley Martins e Fábio Fernandes Bezerra, estudantes de Processamento de Dados e de Física, respectivamente, atuavam na compra e venda de micros novos e usados e ministravam cursos de WordStar, Lótus 123 e DBase 2.



Em outubro de 1986, constatando a ausência de sistemas profissionais, os sócios se ligaram a Samuel Natali Júnior, fundando a Benetton Computadores (hoje Hyper Postos Automação Comercial), iniciaram o desenvolvimento de programas, ainda básicos, para alguns segmentos de varejo, e passaram a revender programas contábeis e de folha de pagamento.

Wanderley Martins conta que, pouco depois, surgiu a oportunidade de ingressar no mercado de combustíveis. "Por solicitação de um cliente, o Posto Cangaíba, desenvolvemos um sistema específico, na linguagem Clipper, e desde então passamos a nos dedicar ao segmento. E foi aí que começamos a anunciar nossos produtos e serviços na PO, que já circulava nacionalmente, ainda no formato de jornal tablóide", lembra.


Na vanguarda

Ele declara que, em 1991 a Hyper Postos foi a primeira software house a implantar a automação completa em um posto. Isso ocorreu num posto da BR Distribuidora, da Rede Avenida, instalado em Maceió (AL). "Nosso software de retaguarda, o SGAP, se integrava ao Concentrador de Bombas da Wayne, na pista, e ao PDV da Zanthus, na loja Avenue Store, que fora inaugurada naquela ocasião", conta. "Consideramos aquela loja o embrião das atuais BR Mania, face ao seu projeto arrojado e pioneiro".

Em seguida, a convite da BR, a empresa participou de projeto também pioneiro, integrando suas aplicações ao Módulo Concentrador de Bombas da Vemar e ao ambiente TEF Rede Fácil. Com isso, tornou-se a primeira software house especializada em postos de combustíveis a operar transações com cartões de débito no PDV.

Outro projeto, também importante segundo Wanderley, se deu com a Atlantic (hoje Ipiranga), que naquele ano validou os sistemas de automação de postos da empresa, para os estabelecimentos da rede.

Esse percurso de 25 anos é pontuado por muitos fatos e conquistas, que garantiram à empresa e a seus fundadores papel de destaque, especialmente no desenvolvimento de soluções direcionadas aos postos. Hoje, além dos produtos destinados a esse segmento e da revenda de vasta gama de equipamentos de informática e automação comercial, a Hyper Postos se especializou na implantação de TEF Dedicada IP (via Internet), a solução TEF HPX, que pode ser aplicada em quaisquer ramos de atividade.

Luiz Wanderley Martinslogo 2009 Julho 01 transp2
Luiz Wanderley Martins, Diretor Comercial da Hyper Postos e o novo logotipo da Empresa, imagens publicadas na versão impressa da Edição 342 da Revista Posto de Observação


Fonte: Cristiane Collich Sampaio - Posto de Observação - Edição nº 342

 

 

HYP HP12C

Publicidade

Links Patrocinados

Produtos HYP

Estatísticas

Visitantes
3
Artigos
18
Ver quantos acessos teve os artigos
58146

Quem está online?

Temos 27 visitantes e Nenhum membro online